sábado, julho 01, 2006

Impressões sobre o 5o. (e último) jogo do Brasil na Copa


Houve quem corroborasse a cagação de regra do técnico Parreira, de que tínhamos tudo sob controle, que dar espetáculo é vencer. Mas estava claro desde o primeiro jogo contra a Croácia que aquele amontoado de estrelas do futebol mundial teria problemas assim que pegasse uma equipe de razoável para boa. A França escancarou isso... e outras coisas, como:

* Perdemos jogando feio, mais uma vez. E em todas as apresentações feitas na Alemanha, a seleção foi vaiada, com razão.

* Em 1982, perdemos nas quartas-de-final jogando bonito. O Brasil chorou. Em 2006, perdemos nas quartas-de-final jogando feio. O Brasil ficou puto. Se na Espanha a derrota representou o fim do futebol arte, oxalá vejamos agora o fim do futebol de resultados de Parreira e companhia.

* Um bom epitáfio para a seleção brasileira que foi eliminada da Copa da Alemanha seria: "Não basta ter os melhores jogadores do mundo, é preciso ter um time". E isso o Brasil nunca teve no torneio.

* A torcida brasileira também merecia uma grande vaia, pela falta de entusiasmo. Foi eclipsada até pela torcida japonesa...

* Ronaldo Cachalote foi, novamente, pífio. Sua melhor jogada neste sábado foi a simulação de falta na entrada da área francesa, que resultou em mais uma bisonha cobrança de Ronaldinho Gaúcho.

* O melhor jogador do mundo da atualidade, por sinal, foi outra grande decepção. Na hora do vamos ver, sumiu em campo. Nos cinco jogos.

* Juninho Pernambucano, que eu tanto pedi pra ser escalado como titular, amarelou.

* Zé Roberto e Lúcio foram os melhores jogadores do Brasil nesta Copa.

* Zinedine Zidane arrebentou e calou a boca de quem afirmava que a seleção brasileira apressaria sua aposentadoria. Deu dois belos lençóis (um deles no Cachalote), passes precisos e uma visão de jogo de fazer inveja.

* Thuram, Vieira, Henry e a revelação Robery também comeram a bola. Já Cafu, Roberto Carlos e Kaká...pfffff....

* Quem foi que disse que Parreira é um bom técnico? Espero que NUNCA MAIS treine a seleção brasileira!

2 Comentários:

Às dom jul 02, 11:19:00 AM , Blogger joaogabrieldelima disse...

Zidane merece todas as glórias depois do jogo de ontem. Ele sim, e não Ronaldinho Gaúcho,merece o título demelhor do mundo. Do Brasil, salvaram-se apenas Ronaldo Fenômeno -- maior artilheiro de todas as copas foi um bravo ontem, justificando o fato de ser o único jorgador brasileio 'a altura de Garrincha e Pel´-- e Dida, que não teve culpa no gol e pegou duas ou três bolas difíceis.

 
Às dom jul 02, 11:24:00 AM , Blogger Jorge Cordeiro disse...

vc só pode estar de sacanagem, evidentemente. Ronaldo se salvou ontem?!?!? Vc viu outro jogo? Ronaldo foi um poste com pernas, deu dois chutes a gol e perdeu diversos lances para a marcação francesa. Ele, no máximo, deveria ser escalado faltando 15 minutos pra acabar o jogo, no melhor estilo Roger Milla... Mas enfim, engana-se quem quiser..

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial